A Caminho com Maria

A Caminho com Maria


Animador: Louvemos a Deus e o agradecemos pela oportunidade de estarmos aqui reunidos para rezar, como a nossa querida mãe Maria.

Todos: Com grande alegria e amor, queremos homenageá-la: Ela é nosso modelo de fé e oração. Queremos deixar-nos cativar cada vez mais por Ela e dela aprender a “crer”, “rezar” e “amar”…

Canto: Maria, mãe dos caminhantes…

Animador: Que significa “crer”, ser pessoa de fé a exemplo de Maria? Na teoria, nós o sabemos muito bem. E na prática?

Leitor/a 1: “Crer é caminhar na presença de Deus. A fé é, ao mesmo tempo, uma virtude e uma atitude que envolve em tudo o que a pessoa é: sua confiança, sua finalidade, seu assentimento intelectual, sua adesão pessoal… tudo! A fé compromete a história inteira de uma pessoa”(Frei Inácio Larranaga).

Animador: O Salmo 62 diz: “A minha alma, desde o amanhecer, busca o Senhor, como a terra seca, sedenta e sem água”.

Leitor/a 2: A oração é um dos meios para saciarmos essa sede que todos nós sentimos. Ela deve ser um verdadeiro e amoroso diálogo com Deus que nos ama de maneira infinita e apaixonada.

Todos: Como  Maria, nós também queremos nos dispor para a oração.

Canto:”Ensina teu povo a rezar…”

Animador: Toda pessoa que ama e reza, à imitação de Maria, sente a necessidade de evangelizar, de passar adiante a Boa Nova. Não se pode encontrar uma nascente de água, beber e fechá-la para si: isso seria, de nossa parte, um grande egoísmo!

Todos: Quem encontra Deus não deve guardá-lo só para si, mas, como Maria, anunciar e proclamar  as suas maravilhas.

Leitor/a 3: A Virgem Maria estava sempre atenta a todos os acontecimentos. Neles procurava descobrir, na fé e pela fé, o Plano que Deus tinha a seu respeito. Ela sabia silenciar e perseverar na oração. Por isso Ela sempre foi forte, corajosa, disponível, atenta às necessidades do outro, fiel ao seu “sim”.

Canto: Maria do sim…

Animador: Maria falava pouco: preferia deixar falar… Mas quando seu coração transbordava, aparecia claramente sua profunda união com o Senhor e a imensa riqueza interior que Deus operava nela. O Magnificat é o melhor exemplo disso. Ouçamos:

Leitor/a 4: Leitura de Lucas 1, 46-55. Reflexão e partilha.

Animador: Como é bom ouvirmos o testemunho de vida de nossos irmãos. Como Maria, estrela da evangelização, eles estão se esforçando para empregarem os dons recebidos, pensando e se preocupando com a humanidade inteira e anunciando as maravilhas que o Senhor fez com os pobres, os fracos, os humildes, os famintos e as vítimas do poder. Peçamos a Maria que imprima em nós seus sentimentos, seu ardor missionário e nos acompanhe em nossa difícil missão.

Lado A: Santa Maria, mulher missionária, concede à Igreja a alegria de redescobrir os motivos mais profundos de testemunhar sua fé e seu amor por Deus e pela humanidade.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado B: Quando a Igreja, por medo ou negligência, fica dentro de suas tendas, onde não chega o grito dos pobres, dá-lhe força e coragem para sair de seus acampamentos.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado A: E quando é tentada a buscar o poder e as riquezas materiais, acorda-a de sua aparente segurança.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado B: Quando é tentada a repousar sobre as posições alcançadas, sacode-a de sua vida sedentária.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado A: Sim, porque a Igreja é feita para caminhar, foi constituída por Cristo para continuar a obra de salvação da humanidade. Coloca, ó Mãe, em seu coração a tua mesma infinita paixão pelo ser humano.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado B: Mãe itinerante, enche todos os membros da Igreja de ternura e disponibilidade.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado A: Santa Maria, mulher missionária, nós te suplicamos por todos aqueles que deixaram os melhores afetos para anunciar o Evangelho em terras distantes. Ampara-os na fadiga, restitua seu cansaço: coloca em seus lábios palavras de vida e de paz.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Lado B: Desperta em muitos jovens a vocação missionária, para que a todos seja anunciada a Boa Nova de teu Filho Jesus.

Todos: Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós.

Canto: “Imaculada, Maria de Deus…”

Animador: Ó Maria, queremos dar-te o espaço que você merece em nossa vida. Tu caminhaste com teu povo. Hoje caminhas conosco. Tu és nosso modelo de fé e de oração. Pedimos tua intercessão a Deus por nós, pelas nossas famílias, pela pátria, pelos missionários, por todo o povo brasileiro.

(Mão direita estendida em direção à imagem de Nossa Senhora)

Todos: Mãe querida, com carinho te rendemos filial homenagem. Confiantes te pedimos segura-nos pela mão, principalmente nas horas de tentação e do perigo. Caminha sempre conosco! Protege-nos de todo o mal. Ajuda-nos a realizar um apostolado fecundo. Abençoa copiosamente cada membro da nossa família e de nossa comunidade. Dá força a todos aqueles que, estão anunciando teu Filho Jesus, nos cinco continentes. Que muitos outros acolham e sigam teu amado Filho, nestes nossos tempos. Recebe, Mãe de Deus e Mãe nossa, toda a nossa admiração e devoção filial. Assim seja!

Canto: “Pelas estradas da vida”.

deixe um comentário