A Palavra de Deus em oito passos

A Palavra de Deus em oito passos


O mA?s de setembro Ai?? dedicado Ai?? Palavra de Deus. JA? fizemos grandes progressos em relaAi??A?o Ai?? Palavra, mas, o analfabetismo bAi??blico ainda Ai?? grande entre nA?s. Tudo foi escrito para que tenhamos esperanAi??a e consolaAi??A?o. Ai?? preciso, pois, pegar o livro, comA?-lo, ruminA?-lo. Lembremos o que dizia Paulo ApA?stolo: eu sofro e faAi??o tudo pelo Evangelho, por isso estou na cadeia como um malfeitor. Lembrava, porAi??m, que a Palavra de Deus nA?o se deixa acorrentar.

Nossa experiA?ncia com a Palavra tem oito passos. Antes de sermos anunciadores precisamos ouvir, compreender, internalizar e praticar a Palavra. Para que se respeite esta ai???lA?gica da experiA?nciaai??? com as Sagradas Escrituras vejamos os oito passos a serem percorridos e vividos.

Primeiro passo: ai???ouvintes da Palavraai???. Ouvir com o coraAi??A?o. Para ouvir Ai?? preciso silenciar, dar tempo, acolher a Deus que fala e se comunica na Palavra. Ouvir nA?o Ai?? apenas dar ouvidos, mas, deixar a Palavra ressoar, ecoar, transpassar o coraAi??A?o.

Segundo passo: ai???amigos da Palavraai???. Deus fala conosco como os amigos. A BAi??blia Ai?? uma carta de amor, de amizade, de alianAi??a. Para os amigos nA?s dedicamos tempo e fazemos de tudo para manter amizade. Quem Ai?? amigo da Palavra irA? frequentA?-la sempre e vibrar de alegria, por este encontro de amizade.

Terceiro passo: ai???familiares da Palavraai???. Ter familiaridade com as Escrituras consiste em tA?-las nas mA?os, no coraAi??A?o e na missA?o. A Palavra nos regenera, recria e refaz. Quanto mais lemos, meditamos, estudamos tanto mais nos familiarizamos com a BAi??blia. Somos consortes da Palavra.

.:.
bp1
.:.

Quarto passo: ai???praticantes da Palavraai???. Nossos gestos e aAi??Ai??es falam mais que nossas pregaAi??Ai??es. Jesus chama de feliz quem ouve a Palavra e a pratica. Ainda mais, por em prA?tica o que ouvimos e pregamos equivale a construir nossa casa sobre a rocha. NA?o podemos ter um discurso espiritual e uma vida carnal.

Quinto passo: ai???discAi??pulos da Palavraai???. Neste estA?gio a Palavra se faz carne em nA?s. Ele estA? sempre no princAi??pio de tudo. No princAi??pio do dia, no principio das reuniAi??es, da catequese, da celebraAi??A?o dos sacramentos. Assim, acontece a animaAi??A?o bAi??blica de toda a vida e pastoral da Igreja.

Sexto passo: ai???servidores da Palavraai???. NA?o devemos ser donos, patrAi??es, senhores, dominadores da Palavra. Muito menos falsificadores, demagogos, tagarelas. Ai?? um verdadeiro ai???mundanismo espiritualai??? servir-se da Palavra para nossos interesses prA?prios. Nada devemos tirar ou acrescentar Ai??s Sagradas Escrituras. NA?o se pode manipular o povo com a BAi??blia.

SAi??timo passo: ai???mA?rtires da Palavraai???. Sofrer e morrer pela Palavra Ai?? um ato de fAi?? e de amor. EstevA?o, JoA?o Batista, Paulo, Tiago, Pedro, enfim, todos os apA?stolos foram mA?rtires da Palavra. Assim tambAi??m aconteceu com os missionA?rios, os santos, religiosos, religiosas, leigos e leigas. Ser mA?rtir, morrer pela Palavra significa internalizar e testemunhar e sofrer pela Palavra. Na boca ela Ai?? doce, mas se torna amarga no coraAi??A?o, isto Ai??, a Palavra Ai?? exigente, purificadora.

Oitavo passo: ai???consagrados Ai?? pregaAi??A?o da Palavraai???. Jesus rezou: ai???Que eles sejam consagrados pela verdadeai??? (Jo 17, 19). A Palavra Ai?? a verdade. Paulo ApA?stolo recomenda a TimA?teo: ai???cumpre a missA?o de pregador do Evangelho, consagra-te ao teu ministAi??rioai??? (II Tm 4,5). Consagrados pela Palavra, consagramos-nos em anunciA?-la.

Por fim, precisamos permanecer na Palavra, pois ela Ai?? inesgotA?vel, nA?o envelhece, nA?o passa. Permanecer na Palavra significa muitas coisas, como por exemplo, realizar lectio divina diariamente, os conhecimentos bAi??blicos, nA?o trocar a Palavra pelo devocionalismo, memorizar um texto bAi??blico no cotidiano, etc. A Igreja sempre venerou as Divinas Escrituras da mesma forma como o corpo do Senhor. Que a Palavra nA?o caia no chA?o, possa tinir em nossos ouvidos, descer ao coraAi??A?o e subir para nossos lA?bios.


Orlando Brandes

deixe um comentário