Aldeia de BelAi??m

Aldeia de BelAi??m


JA? estamos experimentando, no espAi??rito do Advento e na movimentaAi??A?o do comAi??rcio, o clima festivo que identifica uma realidade prA?pria de Natal. A histA?ria comeAi??ou na Vila de BelAi??m, uma minA?scula Aldeia prA?xima da cidade de JerusalAi??m, com o nascimento de um Menino, anunciado pelos profetas como Aquele que traria a justiAi??a e a vida para os povos.

Jesus nasce na cidade de origem de Davi, e descende da dinastia desse grande Rei. O foco da justiAi??a recai sobre Ele para enfrentar a cultura das injustiAi??as, que sempre dominaram o itinerA?rio dos povos. InjustiAi??as que ameaAi??am a vida e a identidade das instituiAi??Ai??es. Ai?? triste comemorar mais uma festa de Natal entranhada por uma cultura com marcas profundas de injustiAi??a.

Com Jesus, a histA?ria de quem acreditou Nele, tomou um novo rumo. Segui-Lo supAi??e autenticidade, vida honesta e prA?tica da justiAi??a social. O que vemos hoje Ai?? uma afronta aos princAi??pios do cristianismo, que atAi?? envergonha os honestos na celebraAi??A?o do Natal. Tudo tem se transformado em interesses particulares, acirrando as diferenAi??as sociais.

A polAi??tica deixou de ser a arte de bem administrar e um bem para a vida, e se transformou em caminho fA?cil de corrupAi??A?o. O cenA?rio do Congresso Nacional Ai?? alarmante, fazendo do Brasil uma Aldeia de polAi??ticos despreocupados com a identidade dos brasileiros. Mas somos culpados, porque foram eleitos com o nosso voto.

A corrupAi??A?o estA? presente, como efeito cascata, em todas as A?reas da naAi??A?o brasileira. Podemos atAi?? dizer que o Brasil Ai?? um paAi??s doente, necessitado de um processo de conversA?o. O Papa Francisco convoca o mundo para um tempo de misericA?rdia, que deve atingir o coraAi??A?o de nossos polAi??ticos.

As dimensAi??es da Aldeia de BelAi??m, em relaAi??A?o ao Brasil, sA?o destoantes. Em BelAi??m, Jesus foi homenageado pelos Reis do Oriente, e reconhecido como Rei do universo. As exploraAi??Ai??es praticadas no Brasil fazem do paAi??s uma casa de grandes preocupaAi??Ai??es. Com isto o Natal fica sendo uma festa desfigurada e incompatAi??vel com a identidade de Jesus Cristo.


Dom Paulo Mendes Peixoto /Ai??Arcebispo de Uberaba.b

deixe um comentário