Amar

Amar


Amar, para poder viver, 
Para se dissipar o sem sentido de se viver por viver. 

Amar por quê? 
Para não adoecer, para que, ao final; possa-se dizer: 
Valeu a pena, porque amar é crer. 

Por que amar? 
Para não se entristecer, 
Para não se perder a alegria de viver.
 
Amar por quê? 
Para poder perdoar e esquecer, 
Para voltar a sorrir, para lutar e vencer. 

Porque? 
Para se conhecer a Deus, nosso primeiro amor,
Nosso maior amor, Nosso Grande amor, 
Acima de todo amor, origem de todo amor, 
Fim de todo amor, eternidade de amor. 

Amar por quê? 
Para não fenecer, para não murchar, 
Para não regredir, para não desfalecer. 
Amar para se lembrar e também para esquecer. 

Por que amar? 
Para chorar e sorrir, para plantar e colher. 

Amar por quê? 
Para caminhar, para se merecer, para se enternecer. 
Amar para olhar e conhecer. 

Por que amar? 
Amar para não morrer. 
Porque os que não amam já morreram, permaneceram mortos. 
Perambularam sem saber como, nem por quê. 

Amar por quê? 
Para confiar, para não se entregar, mas se integrar. 
Amar porque Deus é amor e isso basta. 

Amém. 


Autor desconhecido

deixe um comentário