Avaliação na Catequese

Avaliação na Catequese


Todo encontro de catequese precisa ser avaliado. Não se trata de “dar notas”, mas avaliar o crescimento individual e grupal como pessoas, levando em conta a caminhada de fé.

A dinâmica precisa ter em vista o processo e não resultados, isto é o envolvimento de forma crescente, mudanças de atitudes, participação respeitosa, entendimento prático dos conteúdos …

Não é só o catequista que avalia, mas são saudáveis a autoavaliação, em grupo, de dois a dois.

É importante que se entenda que podemos ajustar o que não saiu bem e alegrar-se com o crescimento realizado.  

 

DINÂMICA: AVALIAÇÃO COM TIRAS DE PAPEL

 

1. Cortar tiras de papel e distribuí-Ias aos grupos. (Mais ou menos 21 tiras por grupo).

2. Cada grupo escreverá em cada tira:

  • O que queremos felicitar do nosso encontro catequético? (7 tiras).
  • O que queremos criticar? (7 tiras).
  • O que queremos sugerir? (7 tiras).

3. Terminado o trabalho de grupo, as tiras serão dispostas no chão separadamente, formando três blocos.

4. O grupo se coloca ao redor e se efetuará, de forma espontânea, a leitura.

5. O coordenador chamará atenção sobre as coincidências, ou o que foi mais frequente.

6. Com as tiras de papel podem-se formar símbolos como: um sol para as felicitações/ uma casa sem base para as críticas/ uma estrada para as sugestões.


Ir. Marlene Bertoldi

deixe um comentário