CelebraAi??A?o do Dia do Catequista

CelebraAi??A?o do Dia do Catequista
30 de Agosto de 2015
Educar na FAi??, para a paz, a justiAi??a e a caridade


IntroduAi??A?o:

Este ano a Igreja no Brasil estA? envolvida em dois projetos interligados: a lembranAi??a dos 50 anos da conclusA?o do ConcAi??lio Vaticano 11 e a celebraAi??A?o do Ano da Paz, motivado pela situaAi??A?o nacional e mundial, onde a violA?ncia se destaca. Ambos os projetos valorizam a vocaAi??A?o dos/as catequistas, que sA?o dedicados transmissores dos valores cristA?os e animadores do processo de crescimento na fAi??. Celebrar o Dia do Catequista Ai?? mostrar a importA?ncia desse trabalho e das pessoas nele envolvidas. A Igreja agradece a Deus por seus catequistas e convida as comunidades a demonstrar carinhosamente o reconhecimento de valor desse apostolado.
Propomos aqui uma celebraAi??A?o para ser integrada (simbologia, cantos, comentA?rios … ) na liturgia EucarAi??stica ou da Palavra daquele fim de semana. Mas pode ser realizada tambAi??m como encerramento de uma tarde de reflexA?o. O importante Ai?? comunicar a nossos/as catequistas que reconhecemos a importA?ncia de sua contribuiAi??A?o para a vida da Igreja e a construAi??A?o de um mundo melhor.

CELEBRAAi??A?O:

PreparaAi??A?o do local: Preparar uma mesa onde serA?o colocados: a BAi??blia, o CompA?ndio do Vaticano 11, documentos importantes para a catequese (algum desses, por exemplo: Catequese Renovada, o Catecismo, Evangelii Nuntiandi, Evangelii Gaudium, Aparecida,Ai??DiretA?rio Nacional da Catequese, Diretrizes da CNNB e ItinerA?rio CatequAi??tico), materiaisAi??usados na catequese e/ou fotos do eventos catequAi??ticos.Ai??

Comentarista: Junto com os nossos catequistas; vamos todos cantar agradecendo a Deus este ministAi??rio tA?o essencial em nossas comunidades.Ai??(catequistas fazem procissA?o de entrada e formam grupo prA?ximo Ai?? mesa).

Canto Inicial: (de D. Pedro Brito GuimarA?es e Fr. Fabreti)Ai??
Eis-me aqui, Senhor!Ai??Eis-me aqui, Senhor!
Pra fazer tua vontade, pra viver no teu amor
Pra fazer tua vontade, pra viver no teu amor
Eis-me aqui, Senhor!

O Senhor Ai?? o pastor que me conduz,
Por caminho nunca visto me enviou.
Sou chamado a ser fermento, sal e luz
E por isso respondo: Aqui estou!

Ele pA?s em minha boca uma canAi??A?o,
Me ungiu como profeta e trovador
Da histA?ria e da vida do meu povo
E por isso respondi: Aqui estou!

ComentA?rio: Celebramos o Dia do Catequista neste ano emque estamos tambAi??m fazendo a memA?ria dos 50 anos que se seguiram aoAi??ConcAi??lio Vaticano II. A catequese tem um papel importante na divulgaAi??A?o e na prA?tica daquilo que o ConcAi??lio ofereceu Ai?? Igreja.Ai??

Catequista 1: (colocando na mesa o compA?ndio do ConcAi??lio)Ai??Queremos que o nosso trabalho ajude a por em aAi??A?o o que o ConcAi??lio Vaticano II nos propA?s e agradecemos a Deus por todos os passos que a Igreja deu nesse caminho.

Todos: Obrigado Senhor!

Catequista 2: (colocandqna mesa documentos da Igreja que foram importantes para a catequese nesse perAi??odo pA?s conciliar)
Queremos sempre aprender mais, conhecer e dar.aconhecer as orientaAi??Ai??es da nossa Igreja.Ai??Agradecemos pelo valioso apoio quea Igreja nos dA? para podermos fiAi??is a Jesus eAi??contribuir para um mundo melhor.Ai??

Todos: Obrigado Senhor!Ai??
Catequista 3: (colocando na mesa alguns materiais usados pedagogicamente na catequese) Com criatividade e fidelidade, queremos ser capazes de transmitir, de modo eficiente, que Jesus deseja comunicar a seus seguidores; Agradecemospor todos os que nos ajudaram e continuam nosajudando.na formaAi??A?o permanente para o bom desempenho da nossa, missA?o.

Todos: Obrigado Senhor!Ai??
Catequista 4: (colocando na mesa fotos de eventos catequAi??ticos)Ai??Nosso trabalho Ai?? fonte de alegria. Nossos catequizandos sA?o presentes.preciosos que Deus colocou em nosso caminho. Agradecemos ao Senhor por todos os que caminham conosco e nos fazem tambAi??m aprender sempre mais sobre a fraternidade e a obra maravilhosa de Deus visAi??vel em cada pessoa.

Todos: Obrigado Senhor!Ai??
Catequista 5: (colocando: a BAi??blia em lugar dedestaque na mesa)Ai??A tua Palavra, Senhor, Ai?? a grande luz para a nossa vida e o nosso aposto lado. Queremos estar sempre a serviAi??o dessa Palavra e levar ao mundo a paz que ela nos chama a construir.Ai??

Todos: Obrigado Senhor!
Comentarista: Cantemos – Agora Ai?? tempo de ser Igreja (M. Luiza Ricciardi)
Agora Ai?? tempo de ser Igreja,
Caminhar juntos, participar!
Somos povo escolhido e na fronte assinalados
Com o nome do Senhor, que caminha ao nosso lado.
Somos povo em missA?o, jA? Ai?? tempo de partir.
Ai?? o Senhor quem nos envia em seu nome a servir.
Ato penitencial

Dirigente: Nossos catequistas precisam de apoio, valorizaAi??A?o e oportunidades para
desenvolverem sempre mais seus dons. Nem sempre oferecemos a eles o que poderia tomar
mais eficiente o seu trabalho. Por isso pedimos: Senhor tende piedade de nA?s!

Todos: Senhor tende piedade de nA?s!
Dirigente: Nossos catequistas sA?o um sinal visAi??vel do amor de Deus. Nem sempre a
comunidade sabe acolher e agradecer este testemunho feito de renA?ncias. Por isso pedimos:
Cristo tende piedade de nA?s!

Todos: Cristo tende piedade de nA?s!
Dirigente: A catequese a serviAi??o da IniciaAi??A?o Ai?? Vida CristA? Ai?? um projeto que envolve a comunidade toda e todas as pastorais. NA?o despertamos ainda o suficiente para abraAi??ar com nossos catequistas essa causa. Por isso pedimos: Senhor tende piedade de nA?s!

Todos: Senhor tende piedade de nA?s!
Canto: (fr. Fabreti)
Cristo, quero ser instrumento de tua paz e do teu infinito amor.
Onde houver A?dio e rancor, que eu leve a concA?rdia, que eu leve o amor.
Onde hA? ofensa que dA?i que eu leve o perdA?o,
Onde houver a discA?rdia que eu leve a uniA?o e tua paz!
Mesmo que haja um sA? coraAi??A?o que duvida do bem, do amor e do cAi??u,
Quero com firmeza anunciar a Palavra que traz a clareza da fAi??!
Onde houver erro, Senhor, que eu leve a verdade, fruto de tua luz.
Onde encontrar desespero, que eu leve a esperanAi??a de teu nome, Jesus.
Onde encontrar um irmA?o a chorar de tristeza, sem ter voz e nem vez,
Quero bem no seu coraAi??A?o semear alegria, pra florir gratidA?o.
Mestre, que eu saiba amar, compreender, consolar e dar sem receber.
Quero sempre mais perdoar, trabalhar na conquista e vitA?ria da paz.

ProclamaAi??A?o da Palavra
(Sugerimos aqui que sejam lidos os textos da liturgia deste domingo, com comentA?rios espontA?neos que liguem a Palavra ao trabalho catequAi??tico, Ai?? construAi??A?o da paz e Ai?? valorizaAi??A?o das orientaAi??Ai??es do ConcAi??lio)

Dt 4,1-2.6-8
Ai?? um texto que pede que sejam guardados os mandamentos, um tema que a catequese ajuda bem a desenvolver.

Sl 14Ai??
Diz que o insensato pensa que Deus nA?o existe e, por isso se extravia. A catequese Ai?? um trabalho para dar a conhecer e seguir a orientaAi??A?o de Deus.

Tg 1,17-18.21b-22.27
Adverte: “sede praticantes da Palavra e nA?o meros ouvintes”. A catequese, os ensinamentos do ConcAi??lio e a proposta do Ano da Paz sA?o estAi??mulos para uma prA?tica que vai muito alAi??m do mero conhecimento da Palavra.

Mc 7, 1-8.14-15.21-23
Fala da verdadeira pureza, que vem do coraAi??A?o e de vencer as tentaAi??Ai??es do mal. O mundo precisa desse tipo de pureza para viver os valores do Reino, que a catequese apresenta e chama a por em prA?tica.

Compromisso e envio
Comentarista: A “Gaudium et Spes”, ConstituiAi??A?o do Vaticano li sobre a Igreja no Mundo de Hoje, comeAi??a assim: “As alegrias e as esperanAi??as, as tristezas e as angA?stias dos homens de hoje, sobretudo dos pobres e de todos os que sofrem, sA?o tambAi??m as alegrias e as esperanAi??as, as tristezas e as angA?stias dos discAi??pulos de Cristo; e nA?o hA? realidade humana que nA?o encontre eco em seu coraAi??A?o…”
Entre outras coisas, contamos com a catequese para apresentar ao mundo uma Igreja solidA?ria e capaz de prestar serviAi??o diante das alegrias, esperanAi??as, tristezas e angA?stias humanas.

Catequista: Agradecemos a Deus por nossa vocaAi??A?o e lhe pedimos a graAi??a necessA?ria para dar conta desse serviAi??o, com fidelidade, discernimento e muito amor. Oferecemos ao Senhor os dons que nos permitem servir nessa missA?o. Estamos aqui, Senhor, e como fez nossa mA?e Maria, pedimos que se faAi??a em nA?s o que a tua Palavra quiser construir.

Dirigente: Pedimos ao Senhor que abenAi??Ai??e nossos catequistas e catequizandos, que a comunidade e as famAi??lias sejam capazes de apoiA?-los e que, todos juntos, sejamos construtores de um mundo de paz, fraternidade, respeito ao outro e amor fraterno. Assim o pedimos ao Pai, ao Filho e ao EspAi??rito Santo. Que o Senhor nos acompanhe e nos fortaleAi??a para sermos discAi??pulos fiAi??is de Jesus.

Todos:Ai??AmAi??m!
Canto final: (Ir. Miria)
Quero ouvir teu apelo, Senhor,
Ao teu chamado de amor responder.
Na alegria te quero servir
E anunciar o teu Reino de amor.
E pelo mundo eu vou cantando teu amor,
Pois disponAi??vel estou para servir-te, Senhor!
Dia a dia tua graAi??a me dA?s,
Nela se apoia o meu caminhar.
Se estA?s a meu lado, Senhor,
O que entA?o poderei eu temer?

deixe um comentário