Dia dos Pais

Dia dos Pais
2º domingo – Vocação para a vida em família


A família é o berço de todas as vocações. É nela que cada um descobre-se amado por Deus e membro de uma comunidade. “Na família, «que se poderia chamar igreja doméstica» (Lumen Gentium, 11), amadurece a primeira experiência eclesial da comunhão entre pessoas, na qual se reflete, mediante a graça, o mistério da Santíssima Trindade”. (Lineamenta para o Sínodo dos Bispos de 2015).

A missão da família cristã é verdadeira vocação. O matrimônio é o chamado feito a um homem e uma mulher para constituírem um corpo e simbolizarem, no mundo, a união de Cristo e da Igreja.

Pai e mãe têm a bela missão de educar os filhos para a vida em sociedade e em Igreja. Partilham da autoridade de Deus em suas casas e devem ser sinal de responsabilidade e acolhida para os filhos.

O segundo domingo de agosto é especialmente dedicado aos pais. Rezemos para que sejam capazes de assumir suas funções na família que Deus lhes confiou. Transmitam a seus filhos a segurança e o exemplo de uma vida honesta e cristã.

O mês de outubro será, para a Igreja, tempo propício para a reflexão sobre a família, com o Sínodo dos Bispos sobre “a vocação e missão da família na Igreja e no mundo contemporâneo”. Com o papa Francisco e os bispos, rezemos pela santidade a que as famílias são chamadas:

Abençoai as famílias, Senhor!

Nós vos louvamos, Senhor nosso Deus, porque sois a fonte da vida
e nos criastes para viver em comunhão na família,na comunidade e na sociedade.

Abençoai as famílias, Senhor!

Fizeste o mundo para ser a casa de todos.
Ajudai-nos a transformá-lo para que realizemos vosso projeto de vida familiar e convivência fraterna.

Abençoai as famílias, Senhor!
Fazei que a exemplo da Família de Nazaré, nossas famílias vivam o amor, cresçam na fé, no perdão e na oração.

Abençoai as famílias, Senhor!
Ajudai-nos a lutar juntos para que todas as famílias tenham casa, comida, escola, trabalho saúde e cuidado social.

Abençoai as famílias, Senhor!
Nós vos bendizemos pela missão da família, de ser a casa do amor e da ternura, do diálogo e da fraternidade,
da acolhida e da justiça, da partilha do pão para todos!

(CF 1994 – Fraternidade e a Família).

deixe um comentário