Encontrar Deus na sua Palavra

Encontrar Deus na sua Palavra


A Igreja valoriza muito a leitura orante. Para se crescer na fé necessitamos da escuta da Palavra. Cardeal Martini nos recomenda: “Viver à Luz da Palavra de Deus é confessar que é o Senhor que nos está conduzindo, e que Ele sabe do que necessitamos”.

A leitura orante é destinada a todas as pessoas, não só para aqueles que estudam a bíblia.

O catequista necessita empenhar-se diariamente ao uso da Palavra, através da leitura orante. Esta consolida a ligação entre bíblia-fé-vida.

Apresentamos um modelo de leitura orante. Convidamos os leitores para um exercício concreto.

1- Súplica ao Espírito Santo

Vem, vem, vem, vem Espírito Santo de amor,
Vem a nós, traz à Igreja um novo vigor.

2 – Leitura do texto Jr 1,4-10

3 – O que fala o texto?

Repetir alguma frase ou palavras mais importantes: Ex: Recebi a Palavra de Javé.    – Eu sempre te conheci.    – Eu te consagrei. És Profeta das nações.

– Não sei falar.  – Tu irás e anunciarás.  – Não tenha medo.  – Vou proteger-te.

– Javé estendeu a mão. – Tocou minha boca.  – Estou colocando em ti minhas palavras.

– Tu me representarás diante das nações.  – Para arrancar.         – Arrasar.

-Demolir.   – Destruir.  – Construir.  – Plantar.

4 – O que o texto fala para mim?

Responder:

Como me assemelho a Jeremias? Vocação, medos, resistências, determinação, intimidade com Deus, coração de profeta, sentir-se consagrado, enviado em missão, decisão gratuita do seguimento, amor ao povo.

5 – O que dizer a Deus a partir do texto?

a) Senhor, Deus Javé, também somos vocacionados como catequistas. Ajuda-nos a sermos portadores da Tua Palavra;

Todos: Senhor, temos a certeza de tua presença amorosa. (repetir em todas as invocações)

b) Senhor, tua Palavra é algo dinâmico vigoroso e que acontece na ação. Ajuda-nos a entender a força dessa Palavra em nossa vida.

c) Senhor, a todo instante nos falas “eu te conheço, estou contigo”. Faça com que nossa vida seja perpassada de uma plena intimidade contigo.

d) Senhor, assim como Jeremias apresenta uma dedicação inquestionável, ajuda-nos a fazer de nossa missão um processo de generosidade.

e) Senhor para que tenhamos coração de profeta e que saibamos ter a coragem de denunciar a falta de justiça, mas sobretudo a tua ausência, por causa da presença de muitos deuses, como o consumismo, egoísmo, individualismo…

f) Senhor, ajuda-nos a não apresentar desculpas para apaziguar o nosso comodismo, mas para que sejamos corajosos em anunciar a justiça e o amor.

g) Senhor, precisamos de maturidade e convicção para um maior comprometimento profético. Pedimos tua presença e força para que possamos assumir a tua proposta.

6 – Que atitudes esta Palavra me convida a assumir?

6.1- O que precisamos arrancar? Arrasar? Demolir? Destruir? Construir? Plantar?

6.2 – Em palavras escritas

a) O que arrancar na sociedade? Injustiça, fome, maus tratos…

b) O que demolir na comunidade? Desavenças, falta de tolerância…

c) O que destruir em nós para crescer como pessoas e como catequistas?

Comodismo, preguiça…

d) O que precisamos construir, para que a fé do nosso povo seja mais convicta?

Participação, relações fraternas…

e) O que vamos plantar na nossa catequese? Aprofundamento da Palavra, encontros afetivos…

7 – Rezar o Salmo

Sl 63,1-9- O AMOR DE DEUS DÁ SENTIDO À VIDA.

REFRÃO: TODOS – Senhor, teu amor vale mais do que a vida

a)  2 – Ó Deus, tu és o meu Deus, por ti madrugo. Minha alma tem sede de ti, minha carne te deseja com ardor, como terrasecaesgotada e sem água.

b) 3 – Sim, eu te contemplava no santuáriovendo o teu poder e a tua glória.

a) 4 – Teu amor vale mais do que a vida: meus lábios te louvarão.

b) 5 – Vou bendizer-te por toda a minha vida, e ao teu nome levantar as minhas mãos.

a) 6 – Vou saciar-me como de óleo e gordura, e, com sorrisos, minha boca te louvará.

b) 7 – Quando eu me lembro de ti, no meu leitopasso vigílias meditando em ti,

a) 8 – pois tu foste um socorro para mim, e, à sombra de tuas asas, eu grito de alegria.

b) 9 – Minha alma está ligada a ti, e tua direita me sustenta.

Canto: Reveste-me Senhor 


Irmã Marlene Bertoldi

deixe um comentário