Refletindo sobre a ReconciliaA�A?o

Refletindo sobre aA�ReconciliaA�A?o


Sempre que refletimos sobre a reconciliaA�A?o, parece muito difA�cil, tendo em vista que exige conversA?o.

A reconciliaA�A?o na vida cristA? A� muito necessA?ria, porque para sermos seguidores de Jesus A� a Ele que nos reportamos como modelo.

Paulo nos lembra a�?Se, quando A�ramos ainda inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filhoa�? (5,9-10).

No evangelho de Lucas aparece Jesus com Zaqueu e este assume seu pecado, prometendo uma radical mudanA�a. (Lc 19, 1-10). Comprometeu-se em devolver tudo aos pobres, o que lhes tinha roubado. Assim entrou no caminho da salvaA�A?o. O prA?prio Jesus diz: a�?Hoje, a salvaA�A?o entrou nesta casaa�?. O hoje, A� toda hora, agora, tempo favorA?vel, para retomarmos o caminho da paz e da justiA�a.

Para estimularmos os nossos catequizandos no processo de reconciliaA�A?o sugerimos uma dinA?mica:

1- Coloque o grupo em cA�rculo de pA� ou sentado.

2- ApA?s dar uma folha A4 pedir para amassA?-la por completo.

3- Logo em seguida sugerir que, cada um coloque a sua folha amassada no centro, observando onde colocou.

4-Refletir: O que significa esta folha amassada? Posso retornA?-la ao que era antes?

5-Cada um pega a sua folha amassada e tenta retornar como era antes.

Aqui o catequista faz uma pequena reflexA?o:

– ImpossA�vel retornar a folha ao estado anterior. Quem fez o amasso foi cada um, com seu jeito de ser.

– Na vida deixamos marcas com as nossas atitudes. Estas marcas, algumas delas ficam impregnadas no coraA�A?o daqueles que ofendemos. Por exemplo, se ofendemos alguA�m com as nossas palavras grosseiras, esta pessoa fica triste e grava no coraA�A?o esta ofensa. A� como se fosse uma marca no papel que amassamos. Muitas vezes levamos anos para esquecer.

TambA�m podemos deixar marcas bonitas. Como marcar nossos colegas com aA�A�es positivas? Quando podemos fazer isso?

6- O catequista motiva esta hora para um pedido de perdA?o: Com o papel alisado na mA?o, escrever ou apresentar a�?Eu quero me arrepender do que fiz: das brigas, das ofensas, da preguiA�a, dos palavras, de nA?o querer ajudar…a�?

7- Em procissA?o, diante de um quadro ou imagem de Jesus, preparado com antecedA?ncia, cada um lerA? seus bons propA?sitos de conversA?o, e depositarA? o seu papel diante de Jesus. A� importante que cada um se sinta perdoado.

8- De mA?os dadas rezar o Pai Nosso.

9- TambA�m poderA? ser feita a leitura do texto de Lucas 19, 1-10, com uma reflexA?o.


IrmA? Marlene Bertoldi

deixe um comentário